O que é transtorno mental?
O que é dependência química?

Notícias

Transtorno de Personalidade Borderline: sintomas e tratamentos

31/10/2017

O termo Transtorno de Personalidade Borderline foi usado pela primeira vez em 1884. Os médicos da época acreditavam que estas pessoas viviam no limite (borda ou borderline) da sanidade entre a neurose e a psicose. Mas somente a partir de 1980 que o diagnóstico da doença tornou-se mais preciso.

Trata-se de uma condição mental grave e complexa que pode ter como características: grande instabilidade emocional com alterações súbitas, desregulação afetiva excessiva, sentimentos intensos e polarizados (ou está tudo ótimo ou está tudo péssimo, não há meio termo) e angústia de abandono. Podem ocorrer também comportamentos impulsivos perigosos, como atos autolesivos, tentativas de suicídio e sentimentos profundos de vazio e tédio.

Acredita-se que esse distúrbio atinja cerca de 1% a 6% da população mundial, sendo mais comum afetar mulheres do que homens. Os fatores genéticos possuem um papel importante, pois o Transtorno é cinco vezes mais frequente em parentes biológicos de 1º grau do que na população em geral.

O convívio próximo com essas pessoas pode ser um pouco complicado, por isso é importante que o paciente busque ajuda médica, assim como a família. O melhor tratamento para essa condição é a psicoterapia, mas nesse caso, o terapeuta deve ser mais ativo, próximo e ter 24 horas à disposição do paciente. Por isso é importante que a família busque profissionais que tenham esse perfil e disponibilidade de tempo que o tratamento de Transtorno de Borderline exige. 

E-book Gratuito

Quer mais informações sobre dependência química ou transtorno mental? Cadastre-se e receba nosso e-book completo sobre o assunto.