INTERNAÇÕES 24H 11 4788-190011 4788-1902 INTERNAÇÕES 24H - Whatsapp 11 98601-4247 | 11 98601-3664
11 98791-2260 | 11 98601-3410
11 98791-2243 | 11 97334-9861
AGENDAMENTO DE CONSULTAS AGENDAMENTO DE CONSULTAS - 10h às 16h
11 5081-8811
11 98601-3951
SIGA-NOS
Formulário de Contato

Blog

Medo de sair de casa!

17 de agosto


Você tem medo de sair de casa? Se, sim, está tudo bem, estamos em um momento bastante delicado ainda. Mas apesar de ser algo compreensível, já que a recomendação é manter o distanciamento social, é preciso estar alerta para o “Fear of Going Out (FOGO)”, termo em inglês para a síndrome psicológica associada ao medo excessivo de sair de casa.

Se o medo te paralisa e dificulta as suas atividades essenciais, como ir ao mercado ou farmácia, por exemplo, ou mesmo trabalhar se preciso, pode haver aí um problema.
Fique atento se ele se torna irracional, com a presença de pensamentos obsessivos sobre a pandemia, se traz prejuízo no desempenho de tarefas do seu dia a dia.

Isso porque se o medo provoca em você sentimentos paranoicos persistentes, uma ansiedade intensa e forte sensação de morte iminente, pode ser necessário procurar o auxílio psicológico.
Nesses casos, o acompanhamento especializado é importante para avaliar a necessidade, por exemplo, de psicoterapia ou mesmo da utilização de medicamentos.

Vale ressaltar que o medo é sim algo normal, no entanto quando ele se torna incapacitante, ele deixa de exercer seu papel de proteção em nosso cotidiano e pode se transformar em algo seriamente patológico.
Pessoas depressivas, por exemplo, acabam ficando vulneráveis ao surgimento desse temor extremo por já terem uma pré-disposição psicológica a ele. Portanto, se você tem depressão ou convive/conhece quem tenha, fique atento e procure suporte profissional.

Para prevenir e lidar melhor com esse problema em um momento ainda tão complicado, é essencial manter uma rotina diária mesmo sem sair muito de casa, ter horários para as tarefas, cuidar da alimentação e fazer atividades físicas regulares, assim como possuir momentos de lazer. O ideal mesmo é tentar não se jogar no sofá o dia todo e/ou nem tornar essa a única prática de descanso nas horas livres, combinado?

Conte com a gente sempre!
« Voltar